Pesquisar este blog

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

O Posto de Trabalho



O grau de mobilização dos diversos grupos sociais é o fator mais importante na autodeterminação de seus destinos. A mobilização pressupõe primordialmente um conhecimento abrangente do contexto da realidade possibilitando melhor planejamento de ações.

Muitos passos foram dados pela categoria dos Trabalhadores em Processamento de Dados e Trabalhadores em Empresas de Processamento de Dados, e vitórias têm sido colhidas desde então.

Conseguimos a inserção de diversos parâmetros na legislação trabalhista que determina melhores condições de conforto, higiene e segurança no trabalho. Eles estão registrados na redação dada pela Portaria MTb 3.751 de 23/11/90. São eles:

Mobiliários dos postos de trabalho

As mesas, escrivaninhas e os painéis devem proporcionar boa postura, visualização e operação com altura, área do trabalho e características dimensionais adequadas à diversidade antropométrica* e ao trabalho a ser executado;

Os assentos devem ter:

- altura ajustável

- pouca ou nenhuma conformação na base do assento

- borda frontal arrendondada na base do assento para não limitar a circulação sanguínea na parte inferior das pernas

- encosto com formas adaptadas para a região lombar

- sendo o trabalho realizado sentado deve-se haver suporte para os pés do trabalhador

Equipamentos

as superfícies de trabalho devem ser ajustáveis quanto à altura, movimentos de aproximação, recuo e lateralidade;

suporte para documentos ajustável que forneça boa postura, visualização e operação, evitando assim movimentação frequente do pescoço e fadiga visual;

documentos de fácil legibilidade, sempre que possível, sendo vedada a utilização de papel brilhante ou de qualquer outro tipo que provoque ofuscamento;

tela ajustável de modo a evitar reflexos e proporcionar correto ângulo de visibilidade;

as distâncias do olho, da tela ao teclado e ao documento devem ser aproximadamente iguais;

A mostra a disposição de um posto de trabalho adequado como fator positivo para as condições de trabalho;


Condições ambientais de trabalho

o nível de ruído deve ser inferior a 60 dB (A), conforme estipula a norma NBR 10152 para prevenir perda auditiva e demais problemas orgânicos e psicológicos;

a temperatura efetiva deve variar entre 20 e 24ºC com umidade relativa do ar superior a 40% e velocidade do ar não superior a 0,75 m/s, diminuindo desta forma riscos nas vias respiratórias quanto ao seu ressecamento e quanto a correntes de ar;

a iluminação geral deve ser uniformemente distribuida e difusa evitando ofuscamento, reflexos incômodos, sombras e contrastes excessivos; deve ainda ter valores de iluminamento parametrizados pela norma NBR 5413 (leitura de documentos para digitação - 500 a 750 lux dependendo da legibilidade; teclado - 300 lux; máquinas de contabilidade - 500 a 750 lux);


Como se organiza o trabalho

o empregador não deve promover qualquer sistema de avaliação dos trabalhadores envolvidos na atividade de digitação baseado no número individual de toques sobre o teclado, inclusive o automatizado, para efeito de remuneração e vantagens de qualquer espécie;

o número máximo de toques reais exigidos pelo empregador deve ser inferior a 8.000 por hora trabalhada, sendo considerado toque real cada movimento de pressão no teclado;

o tempo efetivo do trabalho de entrada de dados não deve exceder o limite máximo de 5 horas sendo que no período de tempo restante da jornada, o trabalhador poderá exercer outras atividades, desde que não exijam movimentos repetitivos nem esforço visual;

< nas atividades de entrada de dados devem haver no mínimo pausas de 10 minutos para cada 50 minutos trabalhados não deduzidos da jornada normal de trabalho;

quando do retorno ao trabalho após qualquer tipo de afastamento igual ou superior a 15 dias, a exigência de produção em relação ao número de toques deverá ser iniciada em níveis inferiores até o máximo permitido seguindo aumentos progressivos;

Outras recomendações:

Além dos direitos garantidos por lei, outras recomendações devem ser observadas para um trabalho saudável e produtivo:

diversificação e enriquecimento do conteúdo do trabalho repetitivo e monótono;

maior controle do trabalhador sobre seu trabalho;

utilização de suporte descansa punhos;

terminais de vídeo com limite de emissão radioativa em concordância com as normas internacionais TCO - MPR II

assentos e encostos revestidos com materiais que permitam e absorvam a perspiração do corpo;

o suporte para os pés deve ser regulável em altura e inclinação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário